Fronteira europeia com a Bielorrúsia reforçada com arame farpado

Foto: Reuters

Lituânia está a construir uma vedação de arame farpado ao longo da fronteira com a Bielorrússia para tentar travar o aumento do fluxo de migrantes ilegais a entrar no território da União Europeia (UE).

A zona tem sido utilizada como rota de entrada no território europeu e, justificado pelo recente atrito diplomático entre Bruxelas e Minsk, há inclusive suspeitas em Vilnius de que as autoridades bielorrussas têm vindo a facilitar o acesso dos migrantes ao espaço europeu.

Na manhã deste sábado, os serviços de segurança de fronteira da Lituânia anunciaram a detençãode mais 31 migrantes a tentar cruzar a fronteira de forma legal oriundos da Bielorrússia.

Este é o menor número diário de migrantes ilegais registado este mês pela Lituânia nesta fronteira e é também o quarto dia consecutivo de julho em que o número de imigrantes ilegais não ultrapassa a centena.

No total deste ano e até este sábado de manhã, 1577 migrantes ilegais foram intercetados na fronteira com a Bielorrússia. A maioria (680) são oriundos do Iraque, mas há também africanos entre os detidos este ano nesta fronteira europeia, nomeadamente 200 do Congo, 118 dos Camarões e 82 da Guiné. Os restantes 68 são oriundos do Irão.

Este agravamento do fluxo de migrantes ilegais levou a agência europeia Frontex a reforçar no início de julho a segurança nesta fronteira da União Europeia, com um aceleramento do processo nesta última semana, sublinhado nas redes sociais pela comissária para os Assuntos Internos da UE, Ylva Johansson.

Espera-se que a meio de julho estejam também a operar naquela fronteira externa da União Europeia cerca de 30 elementos da agência europeia, incluindo forças de segurança de França, da Hungria e da Alemanha.

Esta sexta-feira, as autoridades lituanas começaram a colocar uma primeira barreira de arame farpado, a que se virá juntar uma vedação, para garantir uma barreira de “dupla proteção” ao longo da fronteira com a Bielorrússia, explicou esta sexta-feira a ministra do Interior da Lituânia, Agné Bilotaité.

A vedação de arame farpado deverá ficar concluída dentro de alguns meses, previu Rustamas Liubajevas, o comandante do Serviço de Guarda à Fronteira da Lituânia.

No mesmo dia, as autoridades fronteiriças lituanas acolheram um contingente de 10 agentes do Serviço de Polícia e Guarda de Fronteiras da Estónia para ajudar na gestão desta nova vaga de migrantes.

O contingente oriundo dos parceiros europeus é de 30 agentes, a que se juntam também 10 oficiais do serviço de polícia e guarda de fronteiras da Estónia, que esta sexta-feira começaram também a colaborar com as autoridades lituanas na fronteira com a Bielorrússia.

Fonte: Euronews

Download Best WordPress Themes Free Download
Free Download WordPress Themes
Download WordPress Themes
Download WordPress Themes Free
free download udemy paid course
download lenevo firmware
Download Best WordPress Themes Free Download
udemy paid course free download

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!