O Turismo na Era Covid e Pós-Covid: Tendências, Ameaças e Oportunidades

Foto: Lusa

Embora já se evidenciasse um crescendo de turismo rural na última década, com a pandemia de COVID-19 esta tipologia de turismo efetivamente tem-se revelado como um fenómeno à escala global. Note-se que o turismo rural não é um conceito novo. De facto, diversos estudos recentes apontam que o turismo rural é o turismo de eleição neste período pandémico e com tendência a prolongar-se no pós-pandemia. Isto deve-se ao facto deste tipo de turismo se afastar dos padrões do turismo de massas.

Focando a escala nacional, o exemplo do território da Região Autónoma dos Açores é uma mais valia para compreender esta temática. Os Açores têm sido reconhecidos nos últimos anos pelas boas práticas de sustentabilidade territorial. É de conhecimento geral as singularidades e especificidades, nomeadamente paisagísticas, entre outras que esta região apresenta. Ainda que existam diversos obstáculos ao seu progresso e desenvolvimento regional, muito por culpa da sua própria localização geográfica tornando-o o território “mais” ultraperiférico Europeu, tais caraterísticas parecem ter catapultado os Açores e o seu turismo regional para um novo paradigma (pré e durante o atual período pandémico). Os Açores e o turismo rural estão na moda, é inegável! Desta forma, nestas regiões, caso a gestão do território não se afaste das diretrizes de sustentabilidade previamente traçadas, poderão afirmar-se e desenvolver-se de forma efetivamente sustentada catalisadas por tal tipologia de turismo. Todavia, caso estes territórios de baixa densidade, ultraperiféricos e periféricos (recorde-se que este fenómeno não se verifica apenas na Região Autónoma dos Açores, poderíamos aqui referir o Alentejo, ou da esmagadora maioria dos territórios de fronteira com Espanha, entre tantos outros exemplos, nacionais e internacionais), sigam de facto os princípios de sustentabilidade e de desenvolvimento e planeamento regional sustentável sairão fortalecidas (setores fundamentais para o desenvolvimento e crescimento) deste momento de crise, e possivelmente bem lançados para o futuro. Contudo, caso esse cenário não se verifique, pode existir o risco de uma transição para um turismo de massas, o qual deitaria por terra toda a intenção do desenvolvimento regional sustentável bem como de alcançar a tão desejada sustentabilidade – evitando, de certa forma, cenários que se verificam em regiões ultraperiféricas como as Canárias ou a Madeira, territórios que possivelmente sofreram um percurso semelhante.

Em suma, devido ao aumento da procura por estes territórios, o turismo rural terá necessariamente de ser acompanhado por uma gestão estritamente competente e com clareza dos objetivos traçados, tal como o seu planeamento – o qual poderá até necessitar de uma redefinição do seu o próprio plano de turismo rural, uma vez que, seguramente, não está preparado para novas massas que se avizinham. Considerando esta aparente tendência atual do turismo, reside a questão sobre como manter o turismo rural sustentável, isto é, não permitindo que evolua para um indesejado turismo de massas.

Contextualmente, deve ser feita referência ao facto do turismo rural contribuir, também,   para  o  desenvolvimento  da  urbanização, o  que pode conduzir a novos conflitos de recursos e, caso não sejam prontamente resolvidos, potencialmente irão levantar problemáticas socioculturais. Aqui, poderiam levantar-se questões específicas adicionais como a descaracterização dos territórios ou a resistência das populações locais à mudança… “nem tudo são rosas”. A título de exemplo pode-se abordar a investigação de Yu e a sua equipa em 2015, onde se evidencia que a rivalidade entre tradição e modernidade pode ser entendida como uma colisão sociocultural.

Em última análise, fica não só a “chamada de atenção” para os decisores regionais e principais atores relacionados com a atividade de turismo rural resistirem à tentação da massificação do turismo, mas também para o papel decisivo que o turismo rural pode representar no turismo e em todas as atividades direta e indiretamente a este relacionadas (qual tábua de salvação).

Download WordPress Themes
Download Nulled WordPress Themes
Download WordPress Themes
Download Premium WordPress Themes Free
udemy course download free
download micromax firmware
Download Premium WordPress Themes Free
free download udemy paid course

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!